Bolsonaro pede à equipe que destrave de socorro a setores como eventos, bares e restaurantes

Soluções foram tratadas em reunião articulada pelo senador Jorginho Mello que é presidente da Frente Parlamentas das MPEs e devem atingir 12 milhões de empregos

Foto: Isac Nóbrega/PR


Em audiência nesta terça-feira (13), no Palácio do Planalto, em Brasília, o senador Jorginho Mello teve a garantia do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de que pautas econômicas importantes de apoio à Micro e Pequenas Empresas serão tratadas como prioridade.


É o caso do Pronampe (Programa Nacional de Amparo às Micro e Pequenas Empresas), BEm (Benefício Emergencial), Perse (Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos), MEI Caminhoneiro e Marco do Reemprendedorismo. Bolsonaro pediu empenho da equipe para mais recursos e garantiu apoio do governo para agilizar a tramitação dos projetos no Congresso Nacional. Estes programas atingem categorias que somam 12 milhões de empregos.


Participaram da reunião, que durou quase duas horas, integrantes da Frente Parlamentar das Micro e Pequenas Empresas, lideranças representativas das MPEs, que representam mais de 9 milhões de empregos, além dos ministros Paulo Guedes, da Economia, Onyx Lorenzoni da Secretaria Geral da Presidência, Ministra Flávia Arruda, da Articulação da Secretaria de Governo e o senador Welington Fagundes (PL-MT).


Jorginho Mello, autor do Pronampe, do MEI Caminhoneiro e relator do Marco do Reemprendedorismo no senado, considerou muito positiva a reunião.


- Nós tivemos uma conversa franca com o presidente e com ministro o Paulo Guedes de que o setor de eventos, setor de bares e restaurantes e tantos outros têm pressa. Nós viemos pedir a reedição do BEm, viemos pedir mais recursos ao Pronampe, que foi o programa mais bem-sucedido durante a pandemia. Além de ajuda a tantos outros projetos nesta área que serão apoiados pelo Governo. Saímos muito otimistas – afirmou o senador.


As entidades que participaram da audiência foram Sebrae, Confederação Nacional das Micro e Pequenas Empresas (Conampe), Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL) Associação Nacional de Restaurantes (ANR), Associação Brasileira de Pormotores de Eventos (Abrape), Associação Brasileira de Salões de Beleza, Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) e Associação Brasileiras de Viagem (Abrav).


12 visualizações0 comentário